Pular para o conteúdo
Voltar

Câmara Técnica do Trigo realiza primeira reunião de 2013

Câmara Técnica do Trigo realiza primeira reunião de 2013
Cristiane Celina/ Assessoria Empaer

A | A
Aconteceu na tarde dessa quinta-feira (07.03) a primeira reunião da Câmara Técnica do Trigo do Conselho de Desenvolvimento Agrícola da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf). Em pauta, 'como resgatar a lei do Funtrigo (Fundo de apoio a cultura do trigo) e a criação de um Centro de Pesquisa para o trigo tropical em Mato Grosso', deliberados em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), por meio do Centro Nacional de Pesquisa (CNP Trigo) e o Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), e através da Agronomia de São Vicente. As câmaras são instrumentos para formulação de políticas públicas e privadas, e essas reuniões visam fazer o acompanhamento e desenvolvimento das ações do trigo em Mato Grosso. “Esse fundo [Funtrigo] visa em futuro breve, alavancar a triticultura em Mato Grosso à semelhança do que aconteceu com a Facual, atual IMA (Instituto Mato-grossense do Algodão)”, ressaltou o engenheiro agrônomo e pesquisador da Empaer, Hortêncio Paro. As reuniões da Câmara Técnica acontecem bimestralmente sempre na primeira quinta-feira do mês. A Câmara tem um total de 15 membros e estiveram presentes nessa reunião, representantes da Sedraf, Empaer, Sefaz, Conab, Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Secitec e Aprosoja.