Pular para o conteúdo
Voltar

Empaer realiza curso de apicultura para produtores de Livramento

Empaer realiza curso de apicultura para produtores de Livramento
Rosana Persona (Jornalista da Empaer)

A | A
Para estimular e fornecer orientações teóricas e práticas sobre a criação de abelhas africanizadas – Apis mellifera, com técnica de produção e treinamento para captura de enxame, a Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), realizou curso de apicultura na comunidade Capão Redondo em Nossa Senhora do Livramento. O encerramento do curso de três dias será nesta quarta-feira (28.01). O biólogo da Empaer, João Bosco Pereira abordou a produção com preservação no meio ambiente. Ao todo, 22 produtores rurais participaram. O curso faz parte da Chamada Pública da Sustentabilidade, projeto do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Bosco comenta queos produtores recebem informações para diversificar a produção e melhorar a renda familiar. Com a apicultura, o biólogo calcula que uma produção de até 50 quilos de mel por ano, pode render para a família até R$ 3 mil reais, trabalhando apenas 9 horas por ano. No mercado o mel está sendo vendido a R$ 20,00 o quilo. O supervisor do escritório de Livramento, Haroldo Raimundo de Oliveira ministrou palestra sobre linha de crédito do Programa Nacional da Agricultura Familiar - Pronaf/Mais Alimentos que financia até R$ 150 mil para a atividade apícola. A engenheira agrônoma da Empaer, Renilce Cristina da Costa, responsável pela organização do evento, esclarece que a intenção do curso é prestar assistência técnica, disponibilizar tecnologias e fortalecer o meio rural. A produtora rural, Zeuda Maria Vasconcelos proprietária de uma área de 100 hectares, trabalha com a criação de bovino leiteiro e participa do curso de apicultura porque gosta e quer aprender a trabalhar com a atividade. Ela possui três caixas de abelhas e tem retirado mel apenas para o consumo da família. O produtor Lindomar Paulo de Almeida possui uma área de 13 hectares e percebeu no curso que começou na atividade de forma errada, adquirindo caixas fora da medida. “Após as orientações, pretendo comprar 10 caixas e investir na atividade”, destaca Lindomar. O jovem produtor, Gabriel Sebastião Monteiro Maciel, de 18 anos, é alérgico a abelhas e está animado com o curso. Ele antecipa que pretende iniciar o cultivo com duas caixas de abelhas. O produtor José Campos Curado, começou a criar abelhas e sabe muito bem que sem orientação a atividade poderá ser desastrosa e perigosa. Ele conta que colocou a caixa com as abelhas próxima a casa onde reside e perdeu um animal, que foi atacado por um enxame. “Com as orientações dos técnicos da Empaer fica mais fácil produzir mel”, enfatiza Curado. A presidente da Associação de Pequenos Produtores de Cedral de Cima e Região, Sônia Beatriz Monteiro Maciel comenta que o curso foi realizado a pedido dos produtores da região. Ela explica que a Empaer é grande parceira dos produtores e tem contribuído para a melhoria da renda familiar.