Pular para o conteúdo
Voltar

Escola estadual realiza feira da agricultura familiar e incentiva produção

Escola estadual realiza feira da agricultura familiar e incentiva produção
Rosana Persona (Jornalista da Empaer)

A | A
Com o objetivo de trazer a comunidade para a Escola Estadual Marechal Cândido Rondon, localizada na zona rural da gleba Coqueiral Quebó, no município de Nobres (146 km a Médio-Norte de Cuiabá), professores do ProJovem Campo – “Saberes da Terra”, juntamente com os alunos e produtores rurais, organizam uma feira com produtos da agricultura familiar. O evento acontece uma vez por mês, na sexta-feira, no período noturno. O diretor da Escola, Noel Barbosa da Silva, disse que a feira, a primeira do ano, está prevista para acontecer em março. O evento é um incentivo para os produtores rurais produzirem o ano todo e uma maneira de mobilizar a categoria com a intenção de buscar alternativas e espaço para comercialização da produção. Segundo Noel, o resultado é positivo pois a escola está recebendo a comunidade e os produtores estão tendo lucro e renda. A atividade é realizada desde julho de 2012. O supervisor da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Amarildo Sampaio Anchieta, explica que a intenção é atender a merenda escolar e expandir a comercialização na cidade. Para que isso ocorra na prática, os produtores precisam montar uma associação e garantir que a produção atenda todas as escolas do município. “Isso é possível, pois na gleba temos mais de 100 produtores rurais que podem diversificar a produção”, explica Amarildo. A comunidade encontra na feira os mais variados produtos, mussarela nozinho, tapioca, pequi em conserva, doce de leite,melado, rapadura, melancia, caldo de cana, frango, carne de porco, milho verde, banana da terra, mandioca e outros. A produtora rural, Maria da Luz, fala que a feira é uma oportunidade de negócios e de estreitar o relacionamento com os vizinhos. A produtora, Eliane Brusnello Provim, fabrica biscoitos de leite, queijo e requeijão. “Quero parabenizar os professores e alunos pela iniciativa e dizer que tenho vendido muito na escola”,comemora Eliane. O Projovem conta com a participação dos professores Diane do Carmo Ribeiro Brites, Gerti Lúcia Thaisen, Lucas Luiz Borges e Jared Gonçalves dos Santos. O programa é destinado ao desenvolvimento de uma política que fortaleça e amplie o acesso de jovens agricultores no sistema formal de ensino. A Escola Marechal Rondon possui atualmente 200 alunos.