Pular para o conteúdo
Voltar

II Feira da Agricultura Familiar em Ribeirão Cascalheira

II Feira da Agricultura Familiar em Ribeirão Cascalheira
Rosana Persona ( jornalista da Empaer)

A | A
Durante o 27º aniversário do município de Ribeirão Cascalheira (900 km a Leste de Cuiabá), foi realizado o festival gastronômico com a “segunda queima do alho”, que elegeu o melhor prato típico tropeiro, e a II Feira da Agricultura Familiar. O técnico agropecuário da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Carlos Alberto Quintino fala que a confraternização é uma forma de manter viva a cultura do peão brasileiro e agricultor familiar. O evento aconteceu nos dias 30 de abril a 3 de maio. Conforme Quintino, o objetivo da Feira foi valorizar a agricultura familiar e transformar o evento numa vitrine para que todos os participantes tivessem acesso aos trabalhos desenvolvidos na Região Leste. Participaram 22 produtores rurais, comercializando o artesanato, produção de vassouras, queijos, requeijões, pamonha, hortaliças e outros. “A intenção foi mostrar o potencial da região e promover integração e entretenimento”, destaca Carlos. No município de Cascalheira são cultivados aproximadamente 82 mil hectares de grãos, o cultivo da soja demanda uma área plantada de 74 mil hectares, com uma produtividade média de 52 sacos por hectare ou 3.120 kg/hectare. Em seguida aparece o cultivo do milho com 7.662 hectares, arroz 3.070 hectares e feijão 2.400 hectares. Conforme Carlos, o milho cultivado é o safrinha, com uma produtividade média de 5.760 kg/hectare. A feira aconteceu somente nos dias 1 e 2 de maio, e contou com a participação da extensionista social, do município de Barra do Garças, Glaci Ducatti. “Mostramos o trabalho executado pelos técnicos da Empaer em atendimento aos agricultores familiares, apresentando o que produzem em suas propriedades , gerando lucro e renda para a família”, conclui.