Pular para o conteúdo
Voltar

Pesquisador lança livro sobre a genealogia pantaneira

Pesquisador lança livro sobre a genealogia pantaneira
Rosana Persona (Jornalista)

A | A
O conhecimento da origem da família, parentesco, sobrenomes, levantamento dos antepassados, locais onde nasceram e seus relacionamentos interfamiliares, fez o engenheiro agrônomo da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Francisco Ildefonso da Silva Campos, pesquisar durante 18 meses e reunir mais de 100 mil pessoas do município de Poconé (104 km ao Sul de Cuiabá), desde o ano de 1719 até os dias de hoje. Essa coletânea resultou no livro “Genealogia Pantaneira Poconeana”. Segundo o autor, o livro aborda os ascendentes e descentes dos seus tataravôs, Gregório Paes Falcão e Maria Carmina das Dores que residiram na Fazenda Cotia e Pantanal do Rio Alegre. O casarão da fazenda foi tombado como patrimônio histórico de Mato Grosso, desde 2007. Atualmente o local é um abrigo para crianças órfãs, fundado pelo padre Joaquim Fernandes Tebar. O livro contém 229 páginas, com fotos e dados da evolução familiar. O último levantamento genealógico ocorrido em Mato Grosso foi em 1928, pelo historiador Barnabé de Mesquita. Conforme Francisco, 50% da população de Poconé está presente na Genealogia Pantaneira Poconeana. Em Poconé, o lançamento será no dia 13 de junho, na festa de São Benedito, no clube Cidade Rosa, no período da tarde. Campos dedica este trabalho “a todos que possam reviver o passado e reverenciar o presente”. [b]O lançamento do livro será na Livraria Adeptus, em Cuiabá, no dia 13 de maio (quinta-feira), às 19 horas. [/b]