Pular para o conteúdo
Voltar

Pronaf libera R$ 2,4 milhões para agricultores familiares de Peixoto de Azevedo

Pronaf libera R$ 2,4 milhões para agricultores familiares de Peixoto de Azevedo
Rosana Persona (Jornalista da Empaer)

A | A
O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf A) liberou R$ 2,4 milhões para 95 produtores rurais do município de Peixoto de Azevedo (691 km ao Norte de Cuiabá). O recurso será destinado para a compra de bovinos de corte, reforma das pastagens, cercas de arames e outros. O projeto para aquisição dos recursos foi elaborado pelos técnicos da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer). O agricultor familiar, Tiago Mendes Rosa, proprietário de uma área de 61 hectares, localizada no assentamento Cachimbo II, financiou R$ 25 mil para reforma das pastagens e conserto das cercas. Com um plantel de 126 cabeças de gado de corte, o agricultor está satisfeito com o recurso. Na propriedade ele realiza a engorda dos bezerros e os comercializa com frigoríficos quando o gado atinge o peso médio de 18 arrobas, num período acima de três anos. “Pela primeira vez pego recursos do Pronaf e estou satisfeito com a escolha”, enfatiza. Pela segunda vez o produtor rural Antenor Inácio Konrath utiliza financiamento do Pronaf. Ele possui uma área de 98 hectares no assentamento Belmonte e cultiva poncã, limão, possui três tanques de peixes, cria galinhas caipiras e mais de 100 cabeças de bovinos de corte. “Este financiamento vai auxiliar na compra de mais bovinos e na reforma de algumas cercas próximas ao pasto”, esclarece. Os técnicos agropecuários da Empaer, Edgar Dalasta Bento e Clodomir Antônio Zolett, responsáveis pela elaboração dos projetos, atenderam oito assentamentos rurais. Conforme Bento, o recurso do Pronaf financiou linhas de crédito para investimentos nos assentamentos Vida Nova II, Gleba Eta, Vida Nova, Cachimbo, Cachimbo II, Antônio Soares, Planalto do Iriri e Belmonte. O gerente de crédito rural da Empaer, Mariano Batista Campos, explica que o Pronaf A é uma linha de investimento para a estruturação das propriedades e os beneficiários são os assentados da reforma agrária. O financiamento tem prazo de 10 anos para pagamento, com até três anos de carência e juros de 0,5% ao mês. Para o agricultor tradicional há o Pronaf Mais Alimentos - são financiados projetos individuais de até R$ 150 mil para investimento, e até R$ 100 mil para custeio, com juros de 2,5% a 5,5% ao ano. O financiamento tem até três anos de carência e dez anos para pagar. Cabe destacar que os recursos destinados às atividades de suinocultura, avicultura e fruticultura podem chegar a R$ 300 mil. Para elaboração de projetos de crédito os interessados podem obter informações no escritório local da Empaer ou acessar www.empaer.mt.gov.br.