Pular para o conteúdo
Voltar

Querência incentiva o cultivo da pupunha na região

Querência incentiva o cultivo da pupunha na região
Rosana Persona (Jornalista da Empaer)

A | A
Para incentivar a cadeia produtiva da palmeira pupunha para produção de palmito, a Prefeitura Municipal de Querência (945 km a Nordeste de Cuiabá), pretende distribuir 200 mil mudas para aproximadamente 70 agricultores familiares. O município tem um cultivo de 50 hectares de pupunha e espera ampliar a área para 150 hectares. Em parceria com a Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) realizam até o final do mês de agosto, o diagnóstico das propriedades, a viabilidade técnica das áreas para elaboração dos projetos e captação de recursos financeiros. O supervisor da Empaer, Sandro de Castro Martins, destaca que há dois anos, a empresa realizou 12 projetos para o cultivo da palmeira pupunha e os produtores estão animados. Ele explica que em um hectare o produtor investe R$ 14 mil e o rendimento líquido por hectare pode chegar a R$ 600,00 ao mês, após o terceiro ano de cultivo. A haste do palmito é comercializada por R$ 4,00 a unidade. Produto natural, saboroso e saudável, o palmito pode ser consumido in natura na salada, assado ou cozido. Segundo Sandro, a prefeitura por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente vai auxiliar na expansão da cultura e aumentar a produção para facilitar a implantação de uma indústria de conserva de palmito na região. O secretário de agricultura, Eleandro Mariani Ribeiro, fala que todos os passos terão apoio e acompanhamento técnico da secretaria e Empaer. Ribeiro enfatiza que serão aplicadas as melhores técnicas de plantio e acredita que o cultivo vai proporcionar renda e qualidade de vida aos agricultores familiares. Para orientar os produtores rurais no cultivo comercial do palmito da pupunheira (Bactris gasipaes Kunth) será utilizado o manual de diretrizes técnicas com recomendações desde o cultivo até a colheita no Estado de Mato Grosso. A publicação tem contribuído para a expansão da cultura, além de abrir linhas de créditos para os produtores financiarem o cultivo. O manual foi elaborado em 2008, pelos pesquisadores da Empaer,David da Silva, João Pedro Valente, (Universidade Federal de Mato Grosso) e Paulo César Nunes, (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento). A diretriz está à disposição do produtor enfocando desde os aspectos botânicos, exigência edafoclimáticas (clima e solo), produção de mudas e outros. O documento é um conjunto de informações com o objetivo de orientar os produtores no plantio com técnicas voltadas para a preservação do meio ambiente. O manual de diretrizes técnicas do palmito da pupunheira pode ser adquirido na biblioteca da Empaer, localizada na Rua Jarí Gomes, Bairro Boa Esperança, Cuiabá, por apenas R$ 15,00. Mais informações: (65) 3613 1743/1745.