Mato Grosso, 18/04/2014

Acesso Restrito

Empaer-MT

Informativo

Busca

Empaer realiza processo seletivo para contratação de 70 técnicos

03/09/2009 às 11:21


   A Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) começou ontem (02.09) e encerra no dia 11 de setembro, as inscrições do processo seletivo para contratação de 70 técnicos de nível superior e médio. Os profissionais contratados irão prestar serviço de Assessoria Técnica, Social e Ambiental (Ates), em 21 municípios dos Territórios da Cidadania, Portal da Amazônia e Baixo Araguaia. O trabalho será executado em 51 Projetos de Assentamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e o atendimento será direcionado para nove mil famílias rurais.
  As vagas são direcionadas para os profissionais da área de Engenharia Florestal, Medicina Veterinária, Serviço Social, Nutrição, Economia Doméstica, técnicos agropecuários e técnicos em agroindústrias.   O teste de seleção será feito por meio da análise curricular com critérios estabelecidos no edital tais como: experiência na área de formação profissional, agricultura familiar, Projetos de Assentamentos, curso de extensão, aperfeiçoamento e atualização com período mínimo de 32 horas por evento.
  O presidente da Comissão do Processo Seletivo, Edson Antonio de Almeida fala que o contrato é temporário por um período de 24 meses, podendo ser prorrogado por mais 12 meses, e o contrato de trabalho será regido pelos termos da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). Segundo Edson, o candidato, no ato da inscrição, deverá apresentar diploma de graduação reconhecido pela legislação, Carteira Nacional de Habilitação e do Conselho da classe comprovando o exercício da profissão.
   Conforme o presidente, 5% das vagas são direcionadas aos Portadores de Necessidades Especiais desde que as atribuições do cargo pretendido sejam compatíveis com o candidato. Os interessados podem fazer as inscrições na sede da Empaer em Cuiabá e nos escritórios regionais nos municípios de Alta Floresta, Barra do Bugres, Barra do Garças, Cáceres, Juína, Rondonópolis, São Félix do Araguaia e Sinop. O resultado final será publicado no Diário Oficial no dia 30 de setembro. A remuneração para nível superior - R$ 2.000,00 e nível médio - R$ 1.200,00.



EDITAL DE SELEÇÃO
EDITAL DE SELEÇÃO Nº 01/2009/EMPAER-MT

CONTRATO TEMPORÁRIO

O Diretor Presidente da Empresa Mato-Grossense de Pesquisa Assistência e Extensão Rural S/A, no exercício de suas funções e valendo-se da competência estatutária, conferida pelo Artigo 34, de Estatuto da Empresa e considerando o Inciso II do § 1º do Art. 173 da Constituição Federal e Art. 443 e seguintes da Consolidação das Leis do Trabalho, bem como nos termos do inciso IX do Art. 37 da Constituição Federal que dispõe sobre a contratação por tempo determinado para atender a necessidade temporária e excepcional interesse público,bem como a Lei 8.745 de 9 de Dezembro de 1993, torna público a todos os interessados que estará realizando processo seletivo para provimento de vaga através de contração temporária conforme quadro a abaixo:

1.DAS-DISPOSIÇÕES-PRELIMINARES

1.1 - O processo seletivo será realizado pela Empresa Mato-grossense de Pesquisa Assistência e Extensão Rural S/A – EMPAER-MT, obedecidas as normas deste Edital.
1.2 - A Quantidade de Vagas, Cargos/Função, Formação Profissional,Território de Atuação,Municípios,Remuneração e Portadores de Necessidades Especiais, são os estabelecidos a seguir:
CARGO/FUNÇÃO  FORMAÇÃO PROFISSIONAL   VAGAS
    TERRITÓRIO DA CIDADANIA  MUNICÍPIOS  AMPLA CONCORRÊNCIA  
PNE
TÉCNICO DE
NÍVEL SUPERIOR
NA FUNÇÃO DE
EXTENSIONISTA
RURAL  ENGENHARIA
FLORESTAL


  PORTAL DA AMAZÔNIA
(26 VAGAS)  MARCELÂNDIA
N.BANDEIRANTES
PARANAÍTA  01
01
01  



5%

D
A
S


V
A
G
A
S

  MEDICINA
VETERINÁRIA     PARANAÍTA  01  
TÉCNICO DE
NÍVEL SUPERIOR
NA FUNÇÃO DE
EXTENSIONISTA
SOCIAL   SERVIÇO SOCIAL
NUTRIÇÃO
ECONIMIA DOMÉSTICA
TEC. ALIMENTOS
TEC. AGROINDÚSTRIA    N. CANAÃ DO NORTE   01  
AGENTE TÉCNICO
(NÍVEL MÉDIO DE
ENSINO)
NA FUNÇÃO DE
EXTENSIONISTA
RURAL   TEC. AGROPECUÁRIA
TEC. AGRICOLA
TEC.AGRICULTURA     MATUPÁ
TERRA N. NORTE
PARANAÍTA
N.BANDEIRANTES
N. CANAÂ DO NORTE  03
01
02
03
02  
AGENTE TÉCNICO
(NÍVEL MÉDIO DE
ENSINO)
  ECONOMIA DOMÉSTICA
TÉC. ALIMENTOS
TÉC.AGROINDÚSTRIA
TEC. AGROPECÚARIA    MATUPÁ
TERRA N. NORTE
PARANAÍTA
N. MONTE VERDE
N. BANDEIRANTE
N. CANAÃ DO NORTE
MARCELÂNDIA
  02
01
02
01
02
01
01
  

CARGO/FUNÇÃO  
FORMAÇÃO PROFISSIONAL   
    VAGAS
    
TERRITÓRIO DA CIDADANIA  
MUNICÍPIOS  AMPLA CONCORRÊNCIA  
PNE
TÉCNICO DE
NÍVEL SUPERIOR
NA FUNÇÃO DE
EXTENSIONISTA
RURAL  ENGENHARIA
AGRONÔMICA

  PORTAL DO BAIXO ARAGUAIA
(44 V AGAS)  VILA RICA
BOM JESUS DO ARAGUAIA
SERRA N. DOURADA
RIBEIRÃO CASCALHEIRA
CONFRESA  01
01
01
02
01  




5%

D
A
S


V
A
G
A
S

   ENGENHEIRO FLORESTAL     VILA RICA
BOM JESUS DO ARAGUAIA
QUERÊNCIA
CONFRESA  01
01
01
01  
  MEDICINA VETERINÁRIA     RIBEIRÃO CASCALHEIRA  01  
TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR NA FUNÇÃO DE EXTENSIONISTA
SOCIAL  SERVIÇO SOCIAL
NUTRIÇÃO
ECONOMIA DOMÉSTICA
PEDAGOGIA
TEC. ALIMENTOS
TEC. AGROINDÚSTRIA    SANTA TEREZINHA
BOM JESUS DO ARAGUAIA
CONFRESA
  01
01
01  
AGENTE TÉCNO
(NÍVEL MÉDIO DE ENSINO)
NA FUNÇÃO DE
EXTENSIONISTA
RURAL  TÉC. AGROPECUÁRIA
TÉC. AGRICOLA
TÉC. AGRICULTURA    VILA RICA
SANTA TERINHA
BOM JESUS DO ARAGUAIA
RIBEIRÃO CASCALHEIRA
QUERÊNCIA
CONFRESA  02
02
03
04
02
04  
AGENTE TÉCNICO
(NÍVEL MÉDIO DE ENSINO)
NA FUNÇÃO DE EXTENSIONISTA SOCIAL  ECONOMIA DOMÉSTICA
TÉC.ALIMENTOS
TÉC. AGROINDÚSTRIA
TÉC. AGROPECUÁRIA    SANTA TEREZINHA
ALTO BOA VISTA
BOM JESUS DO ARAGUAIA
SERRA N. DOURADA
RIBEIRÃO CASCALHEIRA
QUERÊNCIA
CONFRESA
CANA BRAVA DO NORTE  01
01
02
01
03
02
02
01  

























CARGO/ FUNÇÃO  
ATRIBUIÇOES FUNCIONAIS  
JORNADA TRABALHO  
REMUNERAÇÃO R$

TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR NA FUNÇÃO DE EXTENSIONISTA RURAL E SOCIAL  
Executar Projetos e Trabalhos de Desenvolvimento, Transparência e Adaptação De Tecnologia Agropecuária e Ambiental, Fornecendo Assistência Técnica E Social Ao Produtor Rural E Sua Família, como Ênfase À Agricultura Familiar, Utilizando Metodologia e Estratégias Preconizadas pela Extensão Rural, Adequando as Peculiaridades da Área De Ação e/ou Público Fim.  
40 HORAS SEMANAI S  
2.000,00
(DOIS MIL REAIS)

AGENTE TÉCNICO (NÍVEL MÉDIO)
NA FUNÇÃO DE EXTENSIONISTA RURAL E SOCIAL
  
Apoiar Execução e Projetos e Trabalhos de Desenvolvimento, Transferência e Adaptação de Tecnologia Agropecuária e Ambiental, Fornecendo Assistência Técnica e Social ao Produtor Rural e sua Família com Ênfase À Agricultura Familiar, Utilizando Metodologia e Estratégias Preconizadas pela Extensão Rural, Adequando as Peculiaridades da Área de Ação e/ou Público Fim.  
40 HORAS
SEMANAIS  
1.200,00
( HUM MIL E DUZENTOS REAIS)




1.3 -. DAS VAGAS – as vagas serão de acordo com o quadro acima, atendendo o objetivo e prestação de serviços para Assessoria Técnica, Social e Ambiental - ATES, a 9.000 (Nove Mil) famílias assentadas em 51 (cinqüenta e um) Projetos de Assentamentos.

- O local de lotação de cada candidato será definido pela EMPAER-MT, dentro da abrangência do termo de convênio.

1.4 - O processo seletivo será Simplificado sujeito a ampla divulgação e constituirá de Analise Curricular, cada Regional da Empresa fará a divulgação deste edital.


1.5 – Será Classificado para preencher as vagas conforme o quadro acima os melhores currículos.

1.6 – Nenhum candidato será eliminado, todos serão classificados, sendo aproveitados de imediato e sucessivamente na desistência, as melhores pontuações conforme a listagem publicada, de acordo com ás Necessidades da formação exigida.



2. DOS REQUISITOS PARA PROVIMENTO DO CARGO

2.1 - Apresentar os documentos abaixo especificados conforme os respectivos enquadramentos: Diploma de graduação reconhecido pela legislação, Carteira Nacional de Habilitação Carteira do Conselho de Classe e comprovante de regularidade para exercício da profissão.

2.2 - Estar em dia com as obrigações eleitorais e militares.

2.3 - Dos documentos que podem ser encaminhados pelo candidato: "Currículum Vitae" atualizado; Cópia do Documento de Identidade; Cópia da Carteira de Conselho de Classe; Cópia do Diploma e / ou Certificado de Conclusão do nível de escolaridade; Cópias de certificados de especialização, cursos de aperfeiçoamento, palestras e seminários específicos da área de formação,bem como outros documentos das respectivas áreas de formação, anterior e posterior a graduação.

2.4 - Os documentos referidos neste item 2.3 não poderão ser substituídos por protocolos e as cópias devem ser autenticadas, podendo a EMPAER-MT autenticá-las, desde que, no ato, sejam exibidos os respectivos originais e neste caso somente no endereço do tópico 6.

2.5 – Para efetivação da Inscrição o candidato deverá entregar toda documentação que possuir e tudo que constar no currículo tem que ser comprovado materialmente.

3 - DAS INSCRIÇÕES

3.1 - Ao entregar a documentação, o candidato, sob as penas da lei, assume:

a) ser brasileiro nato, naturalizado ou gozar das prerrogativas do Decreto nº 70.436/72;

b) ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos, até a data de encerramento das inscrições;

c) estar em dia com as obrigações do Serviço Militar, se do sexo masculino;

d) estar em situação regular com a Justiça Eleitoral;

e) conhecer e estar de acordo com as exigências contidas neste Edital.
f) no ato da inscrição os candidatos devem declarar seus telefones para contados.

3.2 – A documentação para analise terá que ser apresentada dentro do período fixado no
edital não podendo ser flexibilizado sendo o comprovante do candidato o recebido de entrega de documentação.

3.3 - Será cancelada a inscrição se for verificado, a qualquer tempo, o não atendimento a todos os requisitos fixados.

3.4 - As informações prestadas são de inteira responsabilidade do candidato, podendo a EMPAER-MT excluir do processo seletivo aquele que informar dados incorretos ou rasurados.

3.5 – A entrega da documentação necessária para a participação do processo seletivo poderá ser feita por terceiros desde que a documentação esteja dentro das exigências do edital.

4- DOS PORTADORES DE NCESSIDADES ESPECIAIS
4.1 Assegura às pessoas portadoras de deficiência o direito de se inscrever neste Processo Seletivo, desde que as atribuições de cargo pretendido, sejam compatíveis com a deficiência de que são portadoras, e a eles serão reservados 5% (cinco por cento) do total das vagas a serem preenchidas, de acordo com o artigo 37, VIII da Constituição Federal e Decreto 3.298 de 20.12.99, publicado no DOU de 21.12.99.

4.2. Consideram-se pessoas portadoras de deficiência aqueles que se enquadrarem nas categorias discriminados no artigo 4º do Decreto 3.298/99.

4.3. No ato da inscrição, o candidato portador de deficiência, deverá declara essa condição e a deficiência da qual é portador, apresentando Laudo Médico, atestando a espécie e o grau ou nível de deficiência, com expressa referencia ao código correspondente da classificação internacional de doenças – CID, bem como, a provável causa da deficiência. Esse laudo ficará anexo ao currículum vitae. Caso o candidato não anexe o laudo médico, não será considerado como deficiente apto para concorrer a vaga reservada, mesmo que tenha se declarado deficiente.

4.4. O Candidato portador de deficiência que no ato da inscrição, não declara essa condição não poderá interpor recurso em favor de sua situação.

4.5. Ser excluído da lista de deficientes o candidato cuja deficiência declarada na inscrição não se constate.

4.6. Não serão consideradas como deficiência os distúrbios de acuidade visual, possíveis de conexão simples do tipo miopia, astigmatismo, estrabismo e congêneres, bem como quaisquer outros deficiências igualmente corrigíveis.
4.7. As pessoas portadoras de deficiências, resguardadas as condições especiais previstas no Decreto 3.298/99, particularmente em seu artigo 40, participarão do processo seletivo em igualdade de condições com os demais candidatos ao que se refere os critérios do Edital.

4.8. Os candidatos que no ato da inscrição se declarem portadores de deficiência se aprovados no processo seletivo, terão seus nomes incluídos na lista geral dos aprovados.

4.9. O portador de deficiência, em razão de necessária igualdade de condições, concorrerá a todas as vagas deste Edital, sendo reservado no mínimo, o percentual de 5% do total de vagas.
4.10. Caso não ocorra o preenchimento de cota de 5%, estas voltaram dentro da regra de classificação neste edital.

5-DO CONTRATO DE TRABALHO CARGA HORÁRIA REMUNERAÇÃO DOS CARGOS E PRAZO DO CONTRATO.

5.1 - O Contrato de Trabalho será regido pelos termos da legislação trabalhista, mais precisamente do acordo com o art. 443 e seguintes da CLT.

5.2-A carga horária será de 40 (quarenta) horas semanais.

5.3 - O prazo do contrato correspondente a 02 (dois) anos podendo ser prorrogável apenas uma vez por mais 12 meses atendendo a necessidade do programa objeto de contrato temporário e da legislação em vigor.

6. DAS FASES DO PROCESSO SELETIVO

6.1 - O processo seletivo constará de 03 (três) fases:
a) Inscrição;
b)Análise Curricular;
c) Divulgação na ordem de Classificação das formações.
6.2 – A entrega de documentação deverá ser feita pessoalmente ou por terceiros, estarão sendo realizadas nos Escritórios Regionais da EMPAER MT, conforme abaixo especificado:


6.2.1- Escritório Regional da EMPAER MT de Alta Floresta
Avenida Ludovico da Riva Neto, nº 2114, sala 112
Telefone: 66 3521 6763




6.2.2- Escritório Regional da EMPAER MT de Barra do Bugres
Avenida Belo Horizonte, nº 33
Telefone: 65 3361 1182/1316



6.2.3- Escritório Regional da EMPAER MT de Barra do Garças
Rua da Liberdade, nº 53 Centro, cx postal 20- CEP: 78.600.000
Telefone: 66 3401 1689/6725

6.2.4- Escritório Regional da EMPAER MT de Cáceres
Rua Generoso M. Leite, S/N C.O.C
Telefone: 65 3223 5566/8581

6.2.5- Escritório Regional da EMPAER MT de Cuiabá
Rua do Pintado, s/n Bairro Ponte Nova, Cx Postal 225 – CEP: 78.068.690
Telefone: 65 3648 9288

6.2.6- Escritório Regional da EMPAER MT de Juína
Rua Deputado Hitler Sansão, nº 257 Módulo 01
Telefone: 66 3566 1708

6.2.7- Escritório Regional da EMPAER MT de Rondonópolis
Rua Rio Branco, nº 160 Vila Aurora, Cx Postal 146 CEP: 78.740.310
Telefone: 66 3422 2414/5960

6.2.8- Escritório Regional da EMPAER MT de São Félix do Araguaia
Rua Aldenor Milhomem da Cunha, nº 292 Cx Postal 23 CEP: 78.670.000
Telefone: 66 3522 1526/1461

6.2.9- Escritório Regional da EMPAER MT de Sinop
Rua das Pitangueiras, nº 84 Cx Postal 275 – CEP: 78.550.000
Telefone: 66 3531 1215/1611

6.2.10- Escritório Central EMPAER MT
Rua Jarí Gomes nº 454 – Boa Esperança, Cx Postal 255 - CEP: 78.068.690
Telefone: 65 3613 1700/ 1738/1741

7 – DA ANÁLISE CURRICULAR

7.1 - A Análise Curricular será realizada pela banca de técnicos da empaer-mt e destina-se a obter informações do candidato e avaliar as condições dos mesmos para os respectivos cargos.


7.2 - Os curriculuns vitaes serão avaliados em conformidade com os critérios abaixo, sujeitando-se a pontuação a seguir:
Critérios  Pontuação  Total máxima
de Pontos
Experiência na área da formação profissional.  6 meses até 1 ano = 1 ponto
1 a 3 anos = 2 pontos
3 a 5 anos = 3 pontos  04
Experiência em Agricultura Familiar  6 meses até 1 ano = 4 pontos
1 a 3 anos = 2 pontos
3 a 5 anos = 3 pontos  04
Experiência em Projetos de Assentamento  6 meses até 1 ano = 1 ponto
1 a 3 anos = 2 pontos
3 a 5 anos = 3 pontos  04
Participação em cursos de pós-graduação  Especialização (mínimo de 360 horas) = 2 pontos  02
Participação em cursos de extensão, aperfeiçoamento e atualização de atividade principal (formação profissional) – mínimo de 32 horas por evento.  De 1 a 3 cursos = 2 pontos
De 3 a 5 ou mais cursos cursos = 4 pontos  04
Participação em Cursos de extensão, aperfeiçoamento e atualização em assistência técnica e extensão rural – mínimo de 32 horas por evento.  De 1 a 3 cursos = 2 pontos
De 3 a 5 ou mais cursos = 4 pontos  04
Participação em cursos na área de informática  Windows = 01 pontos
Word = 01 pontos
Excel = 01 pontos
Power point = 02 pontos  03


8 - DAS FASES DO PROCESSO SELETIVO

8.1 - O processo seletivo constará de 03 (três) fases constantes do quadro abaixo:
FASE  HISTÓRICO  CARÁTER
1ª  Entrega da Documentação  Participativo
2ª  Análise Curricular  Classificatória de todos
3ª  Divulgação  Ordem de Pontuação





9 - DO CRONOGRAMA
02.09 a 11.09.2009  Período de entrega do Curriculum Vitae.
16 a 28.09.2005  Período de Análise Curricular.
a partir de 30.09.2009  Divulgação de resultado da análise curricular.
05.10.2009  Inicio das Atividades.


10 - DAS CONDIÇÕES GERAIS DO PROCESSO SELETIVO
- Todos os candidatos classificados farão parte de um banco de dados que poderão ser chamados se houver desistência dos aprovados, seguindo a ordem de classificação.
- Para conhecimento do edital acessar a página da EMPAER-MT no seguinte endereço: www.empaer.mt.gov.br.
- O resultado final será publicado no Diário Oficial do dia 30 de Setembro de 2009, uma vez solicitado o classificado e chamado terá 3 ( três ) dias para apresentar-se sobre pena de chamado o subseqüente, levando-se em conta interesse público.

11 - DA DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA EFETIVAÇÃO DO CONTRATO
Cópia autenticada de: Carteira de Identidade, CPF, Carteira do Conselho de Classe, Certificado de Escolaridade, Título de Eleitor, Certificado de Reservista, Pis ou Pasep (se tiver), Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Trabalho e Previdência Social e nº de conta no Banco do Brasil.

Registre-se. Publique-se. Cumpre-se.

Cuiabá-MT,01 de Setembro de 2009


Adv.Edson Antonio de Almeida
OAB 7543
Pres. da Comissão do Processo Seletivo
EMPAER-MT



Visto

Drº Prof. Leôncio Pinheiro da Silva Filho
Diretor Presidente da EMPAER-MT







Fonte: Rosana Persona (jornalista)

Publicidade



Empaer - A serviço da família rural

Telefone: 65 3613-1700

Sitevip Internet