Mato Grosso, 25/07/2014

Acesso Restrito

Empaer-MT

Tecnologias

Busca

ADEQUAÇÃO DE ESTRADAS RURAIS

 ADEQUAÇÃO DE ESTRADAS RURAIS

Elaboração: ILTON BATISTA CAMILO – Técnico em Agropecuária – Escritório Local da Empaer-MT, Fone/Fax: (66) 3461-2479, Jaciara-MT, E-mail: empaerjac@vsp.com.br


Saiba como adequar estradas rurais e evitar sérios problemas de erosão ao meio ambiente.

A adequação de estradas rurais envolve um conjunto de práticas com a finalidade de recuperação, manutenção e conservação das estradas de terra, asfaltadas ou não, levando-se em consideração a sua ligação com as áreas agrícolas (agricultura, pecuária, silvicultura etc.)
O objetivo é evitar a erosão da terra, a degradação do meio ambiente, a garantia de tráfego normal de veículos e o escoamento da produção agrícola durante as épocas de chuvas e de secas, além de reduzir os recursos para a manutenção das estradas rurais.

O que é adequação de estradas rurais?

É a maneira correta de construir, conservar e manter uma estrada rural em boas condições de tráfego durante o ano todo.

Por que adequar as estradas rurais?

Para evitar a erosão e a degradação do meio ambiente.
Evitar o carreamento do solo para os cursos d’água.
Controlar as enxurradas provocadas pelas águas das chuvas.
Garantir o tráfego normal de veículos o ano todo.
Facilitar o escoamento da produção agrícola.

Principas problemas das estradas rurais

·  Atoleiro
·  Banco de areia
·  Trepidação (costela-de-vaca)
·  Buraco
·  Poeira
·  Erosão
·  Leito rebaixado
·  Pista escorregadia

Quais as causas dos atoleiros nas estradas rurais?

Falta de boa compactação do solo no leito da estrada.
O atoleiro é causado pelo tráfego de veículos nas estradas.
Presença de água próxima à superfície do terreno (lençol freático).
Deficiência do escoamento das enxurradas no leito da estrada (drenagem).

Por que surgem bancos de areia nas estradas rurais?

Surgem devido à pequena quantidade de argila (solo barrento) no leito da estrada.
Ocorrem com o transporte pela enxurrada das terras soltas da parte mais alta do terreno para as mais baixas da estrada.
Com o tráfego de veículos as rodas favorecem a formação de bancos de areia (facões).

Por que surgem as trepidações nas estradas rurais?

Surgem devido à utilização de pedregulhos na construção de estrada e da falta de solo argiloso (material ligante).
Devido ao tráfego de veículo que vai formando ondulações nas estradas (costela-de-vaca).

Como surgem os buracos nas estradas rurais?

Devido à retirada da lama ou terra das poças de água com a passagem de veículos.
Retirada de terra do leito da estrada pela água das enxurradas (erosão).
Deslocamento da terra (poeira) pelo vento, ocasionada pela passagem de veículos.
Excesso de enxurradas no leito da estrada.

Qual a causa de poeira excessiva nas estradas rurais?

Devido à presença de material muito fino no leito da estrada e do tráfego de veículos.

Por que ocorrem erosões no leito das estradas rurais?

Ocorrem em função da má qualidade da construção e da conservação da estrada.
Devido ao acúmulo de água e falta de direcionamento das enxurradas no leito da estrada.
Ocorrem pela presença de solos arenosos e mistos onde o comprimento da descida (ladeira) e a declividade do terreno favorecem a erosão no leito da estrada.

Como é formado o leito rebaixado nas estradas rurais?

É formado pela contínua manutenção incorreta da prática de patrolamento do leito das estradas rurais sem a preocupação com o direcionamento correto das enxurradas.
Devido à falta de saída laterais da água de chuva, onde há um escorrimento concentrado de enxurrada no leito das estradas.

Por que existem estradas com pista escorregadia?

Existem em função da presença de solo argiloso (barrento) e da água de chuvas no leito da estrada.

Por que retirar as cercas na adequação de estradas rurais?

Para facilitar a utilização de máquinas e a movimentação de terra durante os serviços de adequação das estradas.

Quais as consequências das estradas mal construídas e conservadas?

·  Provocam erosões graves nas lavouras, pastagens e ao meio ambiente
·  Podem provocar grandes erosões nas estradas
·  Podem provocar acidentes
·  Elevam o custo do transporte da produção e diminui a qualidade dos produtos
·  Demora excessiva para percorrer pequenas distâncias


Práticas recomendadas para adequação das estradas rurais
·  Realocação do trecho
·  Quebra de barranco (bota dentro)
·  Eliminação do banco de areia
·  Eliminação dos buracos
·  Encabeçamento de terraço com desnível
·  Construção de terraço
·  Construção de lombada
·  Construção de caixa de retenção
·  Diminuição da poeira excessiva
·  Eliminação de trepidação
·  Eliminação de atoleiro
·  Eliminação de pista escorregadia
·  Construção de caixa dissipadora de energia
·  Construção de bueiro

Por que realocar trechos das estradas rurais?

A realocação é uma prática recomendada para solucionar os problemas de afloramento de rochas, atoleiros, trechos longos, curvas muito acentuadas e aclive ou declive muito fortes.
Na realocação os custos são altos e podem causar polêmicas e atrito entre vizinhos, por isso há necessidade de entendimentos com os proprietários e os órgãos envolvidos nos trabalhos.

Por que quebrar os barrancos das estradas rurais?

Para que o leito das estradas fique o mais próximo da superfície original do terreno.
A quebra do barranco é realizada por meio do desbarrancamento e aproveitamento da terra (bota dentro).
Essa prática visa encher as valas, elevação do leito (greide) e suavização dos taludes (barrancos)

Como eliminar os bancos de areia existentes nas estradas rurais?

Com a retirada da areia solta e distribuição de uma camada de cascalho ou mistura da terra com material argiloso na proporção de 1:1 a 1:2,5.

Como eliminar os buracos nas estradas rurais?

Corrigindo o sistema de drenagem deficiente, fazendo o abaulamento do leito da estrada e direcionando o escorrimento da água para as laterais.
Dimensionando corretamente as lombadas e melhorando o revestimento primário do leito da estrada.

Como realizar a elevação do leito das estradas rurais?

Procedendo a quebra do barranco (bota dentro) para elevar o leito da estrada o mais próximo possível do nível original do terreno, facilitando o escoamento das águas de chuva.
Em seguida, efetua-se o abaulamento do leito com declividade de 2% a 5% para evitar o acúmulo de água no centro da estrada e permitir a saída das águas para os locais de escoamento seguro (terraços, caixa de retenção, área vegetada etc.)

Por que realizar o encabeçamento de terraços?

Para o escoamento ou desvio das águas de chuva do leito da estrada para os terraços existentes ou a serem construídos nas áreas ao redor.
Quanto menor for a declividade dos taludes (barrancos) melhor será a ligação dos terraços com as lombadas (quebra-molas).

Onde construir os terraços para escoamento das águas nas estradas rurais?

Os terraços laterais devem iniciar-se nas bordas da lombada com declividade inicial de 1% a 2% para auxiliar o escoamento, evitar o assoreamento e o escorrimento da água do terraço para a estrada.
O canal do terraço deve ser construído abaixo da lombada, facilitando o escoamento das enxurradas.

Por que construir lombadas nas estradas rurais?

Para diminuir e conter o escorrimento das águas de chuva no leito da estrada, além de conduzir as enxurradas de forma controlada para os terraços ou caixas de retenção.
São construídas no sentido contrário à descida da estrada.
O espaçamento entre uma lombada e outra deve ser sempre, que possível, o mesmo utilizado nos terraços das áreas cultivadas nos lados da estrada e ligadas aos mesmos.
A altura da lombada varia com o tráfego e declividade da estrada, geralmente com 20 cm a 50 cm depois de compactada a terra.

Por que construir caixas de retenção de água nas laterais das estradas rurais?

As caixas de retenção que são construídas nas laterais das estradas, geralmente, com o auxílio de pá carregadeira ou tratores e interligadas com as lombadas têm a finalidade de acumular e infiltrar as águas de chuva.
As caixas somente são construídas quando não for possível a condução das enxurradas para os terraços existentes, ou quando existir barrancos altos, lavouras perenes ou matas (reservas).


Como evitar a grande quantidade de poeira nas estradas rurais?

Para reduzir a quantidade de poeira nas estradas, recomenda-se revestir o seu leito com material agregante {cascalho fino com argila (barro)} ou distribuição de cascalho com boa compactação.

Como reduzir as trepidações (costela-de-vaca) nas estradas rurais?

A redução das trepidações nas estradas é efetuada com a distribuição de material agregante {cascalho fino com argila (barro)} ou se for necessário substituir o revestimento existente no leito.

Como eliminar o atoleiro nas estradas rurais?

A eliminação do atoleiro é feito com a retirada da água das chuvas, através da drenagem e com a distribuição de cascalho até conseguir a sustentação necessária.
A eliminação dos atoleiros também pode ser realizada com a construção de drenos, que servem para enxugar o leito da estrada do excesso de água e em alguns casos, direcionar as enxurradas para fora da estrada.

Como corrigir as estradas rurais escorregadias?

Para corrigir as estradas escorregadias é necessário realizar a distribuição de cascalho ou material pedregoso sobre o leito, com o objetivo de evitar que os veículos derrapem quando a estrada estiver molhada.

Por que construir caixas para reduzir a força das águas de chuva?

Para reduzir a velocidade de escorrimento das águas de chuva, através da passagem da enxurrada de uma caixa para outra, até chegar a um ponto de saída, que pode ser um canal, riacho, rio ou tanque de armazenamento.
Plantar gramas (revegetar) ou colocar pedras nas beiradas das caixas onde a água escoará, evitando processos erosivos.

Por que construir bueiros nas estradas rurais?

Os bueiros são construídos com a finalidade de drenar ou para a passagem da água embaixo do leito da estrada.
Os bueiros podem ser construídos de tubos de concreto armado, tubos metálicos, aros de pneus, pedras ou madeiras.
Na construção dos bueiros deve-se considerar a quantidade de água (volume) na bacia de captação das chuvas.

Publicidade



Empaer - A serviço da família rural

Telefone: 65 3613-1700

Sitevip Internet